INDICAÇÕES – TARUMÃ – 02/12/18

1º Páreo 

Alessandro Reichel: Prova que abre a “domingueira” em nossa data comemorativa ao aniversário do Clube. Prova de “claiming”, onde Canadian Boy surge como força, pois foi desclassificado em seu “debut” em nosso hipódromo. Ebuliente tem de ser respeitado. Google Di Job, depois. 2-7-6

Erick Cunha: No pontapé inicial desta domingueira festiva no Tarumã, o principal nome, talvez surpreendente para uns e outros, é o de Heart Crafty (5), que estreou em atuação satisfatória e deve correr ainda melhor agora. O fiel Ebuliente (7), pelo retrospecto, é seu rival. Canadian Boy (2) foi desclassificado na anterior, busca vitória compensadora agora. 5-7-2

 

2º Páreo

Alessandro Reichel: Páreo “Silver”, onde Noble Wells é nossa carta. Jogo De Cartas, que estreia aqui, para a dupla. Joe Bird, outro “forasteiro”, para complemento de trifeta. 1-6-3

Erick Cunha: O estreante Joe Bird (3) traz bom retrospecto da Gávea, não pode ser esquecido nas apostas. Noble Wells (1), que vem de vencer, e o também estreante Jogo De Cartas (6) complementam a trifeta, sem serem deixados de lado. 3-1-6

 

3º Páreo

Alessandro Reichel: A parelha Eroina Carol e Kard-Post, principalmente este, surge como bom nome. Vinhaço tem de ser respeitado. Idolo Pop vem pronto da Gávea para levar de vencido nossos indicados. 1-5-2

Erick Cunha: Vinhaço (5) venceu na última e deve repetir agora. Kard-Post (1-faixa) é outro bom nome, que pode inclusive derrotar nosso indicado. Idolo Pop (2) merece muita atenção. 5-1-2

 

4º Páreo

Alessandro Reichel: Isabella Girl e Nuvem Clara devem decidir. Vale a ordem. Fantástico Do Sul, já corrido em “cancha-reta”, pode surpreender nossas indicadas. 6-3-2

Erick Cunha: O ‘reteiro’ Fantástico Do Sul (2) faz sua estreia e deve vencer. Tem como rival a experiente Isabella Girl (6), que retorna. O estreante Fast Beautiful (5) pode ser grata surpresa. 2-6-5

 

5º Páreo

Alessandro Reichel: Prova destinada às potrancas. Várias estreantes, dificultando nossa indicação. Vamos com Jerico Cat, que tem boas atuações. Pratas Cat, que tinha rateio elevado e teve boa atuação na estreia, para dupla. Love Do Iguassu, que correu prova muito mais encorpada que esta, para trifeta. 6-3-7

Erick Cunha: Jerico Cat (6) tem retrospecto satisfatório, pode enfim ter chegado sua hora de vencer. Cuidado com a estreante Tina Kalo (1), bastante comentada. Pratas Cat (3) estreou bem e deve ir ainda melhor agora. 6-1-3

 

6º Páreo

Alessandro Reichel: Não foi normal a atuação de Dá-lhe Princesa, vamos com ela. Menina Levada, que não deve ser deixada de lado, para dupla. Inspetor Fong, que representa o retrospecto, pode vencer e com bom dividendo aos apostadores. 6-1-2

Erick Cunha: Starbarrack Road (5) venceu a última no ‘sino’, agora deve vencer ao natural. Tem Inspetor Fong (2) como rival. Dá-lhe Princesa (6) para a trifeta, sem ser descartada. 5-2-6

 

7º Páreo

Alessandro Reichel: Don Naif, Jouet e Amuletto devem decidir, vale a ordem. Cuidado com Gato Preto, que retorna de parada, foi muito apostado e quase venceu na estreia. 5-6-3

Erick Cunha: Jouet (6) venceu bem na última, em ‘claiming’, retorna à turma e deve vencer novamente. O estreante Marquês De Riscal (4) merece ser observado. Don Naif (5), que vem de colocação, para a trifeta, sem ser deixado de lado. 6-4-5

 

8º Páreo

Alessandro Reichel: Primeira edição da “Pegasus Brasil”. Páreo “duro”. Vamos com Jaffar, para ponta. Rio Amazonas correu provas mais encorpadas que esta, para dupla. Slam Of Cat, que é tido em alta conta por seus responsáveis, fica como terceiro nome. Jukes, outro que é considerado como potro de alta categoria, para complemento de quadrifeta. 5-3-8-10

Erick Cunha: Finalmente chegou o momento da primeira Pegasus Brasil. Onze participantes de elevado nível técnico disputarão o prêmio. Em nossa visão, o privilégio de se tornar o primeiro vencedor desta prova será de Jaffar (5), animal de bonita campanha, que tende a se tornar um dos grandes líderes desta geração. Jukes (10) estreou vencendo com facilidade e é candidato ao triunfo. A parelha 1, em especial o ‘faixa’ (Acelerador) merece respeito, bem como Rio Amazonas (3), duas ótimas alternativas. Vale a quadrifeta combinada. 5-10-1-3

 

9º Páreo

Alessandro Reichel: Desejado Great venceu prova similar. Vamos com ele. Uno Prospector é a diferença de nosso indicado. Soberana Da Lagoa e Vangelis, para complemento de “quadra”. 4-3-6-5

Erick Cunha: Neste ‘claiming extra’, os dois principais candidatos são Uno Prospector (3) e Desejado Great (4), que disputaram a vitória na última e devem repetir a dose agora. Soberana Da Lagoa (6) pode ser surpresa, bem como Sortudo (2). 3-4-6-2

 

10º Páreo

Alessandro Reichel: Liberty Corner, ao nosso ver, é melhor que a enturmação. Cara Salto é a diferença. Rio Camaquã e Flyer Black depois. 4-3-1-8

Erick Cunha: Rio Camaquã (1) retorna da Gávea, onde venceu bem, e agora deve vencer mais esta. Liberty Corner (4) é rival de respeito, bem como Cara Salto (3). Tokoriki (5) complementa a quadrifeta. 1-4-3-5

 

11º Páreo

Alessandro Reichel: Prova que finaliza nossa bonita jornada. Another Special e Flying Filly surgem como força. Fantastic Event, sempre apostado, não deve ser deixado de lado. Gattoni, estreante filho de Shanghai Bobby, e ainda Tricky Step, outro estreante filho de Salto, devem ser colocados nos talões de quadrifeta. 9-1-4-7

Erick Cunha: Encerramos esta jornada acreditando na vitória de Flying Filly (1), que vem de segundo lugar bastante próximo na última. Another Special (9), fiel, também é candidata. Fantastic Event (4) merece respeito, bem como o estreante Tricky Step (10), nosso complemento. 1-9-4-10